A História do Felipe, do Gui e da Vih

ERA UMA VEZ...

 

Um jovem sem nenhuma experiência na cozinha e muita vontade de empreender, uma arquiteta e eu (Gui), um músico cheios de idéias gastronômicas...
Ah, e uma receita fenomenal de massa de torta da mãe do Felipe...

Agora vou te contar tudo o que aconteceu e como eu, o Felipe e a Vitória nos transformamos em "empreendedores-fazedores" de tortas.

Vou te contar como tudo começou

Um dia a Vih me ligou perguntando se eu tinha um quarto pro namorado novo dela, o Felipe, que estava se mudando de Itapuí para São Paulo para terminar os estudos...
Eu disse que sim. Morava numa república e o "brodinho" caiu de para-quedas por lá...

O brodinho era um desastre total

quando se tratava de cozinhar. Não sabia fritar um ovo.
A dona Silene, mãe dele, muito preocupada, mandava umas tortas congeladas, que ele compartihava conosco e sempre foram sucesso na casa e logo mais na empresa dele também...

Foi aí que ele resolveu chamar

a Vitória pra fazer as tortas, já que a mãe dele não queria/tinha tempo para fazer tortas para ele vender e, coincidentemente eu estava junto quando ela foi aprender a receita da massa. Acabei sugerindo alguns recheios e logo nos vimos criando alguns sabores diferentes e dando toda nossa cara para aquelas receitas.

Tivemos a primeira encomenda

para um happy hour, foram 20 tortas e foi o que precisávamos para botar em prática nossa micro idéia: a Helpie Tortas, que sempre teve esse nome - criamos tudo enquanto esperávamos a primeira fornada...

Começamos a vender para os amigos e colegas da empresa, montamos um site, juntamos uns trocados e logo logo nos vimos no impasse de transformar isso em uma empresa de verdade ou não (até porque, no apartamento do Felipe e da Vitória já não cabiam mais tortas em lugar nenhum...).

Alugamos um espaço (garagem)

para uma cozinha industrial, fizemos umas embalagens com o dinheiro que dava e começamos a entregar por SP... Eu e a Vih ficávamos na parte da cozinha
Até que um dia o Felipe resolveu testar como seriam nossas tortas no varejo...

E hoje estamos nas maiores redes

de supermercados São Paulo e nos sentimos na obrigação de mostrar o nosso jeito #Lovemade. É comida feita por gente, com muito carinho e cuidado, ingredientes seriamente escolhidos e muita deliciosidade!

E sabe o que é o mais engraçado?
A fábrica hoje se encontra em Itapuí, e quem cuida é mãe do Felipe XD

Isso tudo porque precisávamos de alguém que fizesse comida pra você do mesmo jeito que alguém faz para um filho.

Um abraço! Te cuida!

Gui Almeida.